Friday, March 28, 2014

Léxico Fataluco-Português de Alfonso Nácher


Lançada em 2012, a obra Léxico Fataluco-Português é um verdadeiro avanço nos estudos linguísticos de Timor-Leste, tanto pela acessibilidade da publicação, quanto pela qualidade do material.Eu já estava com planos de escrever algo a respeito há algum tempo, desde o lançamento da obra em 2012, porém por possuir outros afazeres acabei deixando para depois. Mas agora escreverei uma postagem digna de tal publicação. 

Léxico Fataluco-Português é um manuscrito, datado de 1984, de autoria do padre salesiano Alfonso María Nácher Lluesa, foi digitado primeiramente por Justino Valentim, em 1992, e editado, recebendo todo um tratamento linguístico e filológico, por Geoffrey S. Hull, em 2003 e 2004, no periódico Estudos de Línguas e Culturas de Timor-Leste, em seus volumes 5 e 6, datados de 2002/2003 e 2004, respectivamente. Ver as referências abaixo (Nacher 2002/2003, 2004). 

A edição de 2012 do Léxico Fataluco-Português foi coordenada por Alberto Fidalgo Castro e Efrén Legaspi Bouza e trata-se da publicação completa do mesmo manuscrito na versão que o linguista australiano, Geoffrey Hull, preparou para ser publicado em duas partes em Estudos de Línguas e Culturas de Timor-Leste, conforme foi citado anteriormente. 

O resumo da obra pode ser lido abaixo e também pode ser encontrado na postagem do blogue Professores de português em Timor-Leste (http://profesdeptemtl.blogspot.com.br/2012/12/lexico-fataluco-portugues.html), assim como o link para download, que também pode ser acessado aqui, diretamente do repositório da Universidade Da Coruña.

Segue o resumo: 

Apresentamos nas páginas seguintes uma edição crítica do Léxico Fataluku-Português do padre salesiano Alfonso María Nácher Lluesa, a partir de uma perspectiva antropológica, histórica e linguística. Esta edição é uma iniciativa pensada a partir do Projeto de Desenvolvimento Rural de Liquiçá II (RPDLII), que tem como financiador a Agência Espanhola de Cooperação para o Desenvolvimento (AECID) e como sócio local a Fundação Companhia de Jesus de Timor-Leste.
O livro coloca a reimpressão do trabalho que —sob a dactilografia do manuscrito do padre Nácher— foi efectuado pelo linguista Prof. Geoffrey Hull e que foi publicado na revista Estudos de Línguas e Culturas de Timor-Leste, —hoje desaparecida e de difícil aceso— dividido em duas partes, nos anos de 2003 e 2004. Nesse sentido, o objectivo principal da obra é colocar à disposição dum público amplo e dum público académico a obra do padre Nácher, para que sirva de referência para futuras investigações. Assim, o presente livro também é uma homenagem à pessoa do padre Nácher e aos frutos do seu trabalho como missionário em Timor-Leste. 
O manuscrito original do padre Nácher recolhe definições em português de léxico e expressões em língua Fataluku, assim como a tradução correspondente nas línguas Tétum e Makasae. O léxico recolhido contém uma quantidade significativa de conceitos e expressões referentes ao património cultural, tanto tangível como intangível (rituais, gastronomia, tarefas agrícolas, tradição oral) dos falantes da língua Fataluku. 
A presente edição do livro está dividida em duas partes, constituindo a segunda parte a reimpressão do trabalho que o Prof. Hull efectuou sobre o texto do padre Nácher. Além disto, o dicionário é precedido duma primeira parte composta por três artigos inéditos que, a partir da Antropologia Social e Cultural, proporcionam um conhecimento académico que permite a contextualização e a valorização do trabalho realizado na devida altura pelo padre Nácher. Esta primeira parte é composta por um artigo de Frederico Delgado Rosa em que analisa a génese das etnografias feitas por missionários e religiosos em Timor-Leste, em que se inclui a do léxico do padre Nácher. Em segundo lugar, apresenta-se uma história de vida do padre Nácher realizada pelo antropólogo e jornalista Efrén Legaspi Bouza e, finalmente, um texto sobre as relações entre o catolicismo e a religião tradicional a partir de uma perspectiva histórico-antropológica, escrito por Alberto Fidalgo Castro. 

Para não tornar esta postagem demasiada longa encerro aqui, porém, logo a seguir, continuo na próxima postagem, intitulada Alguns comentários ao Léxico Fataluco-Português de Alfonso Nácher (acesso aqui), com maiores informações. Na próxima postagem, apresentarei uma breve biografia do Pe. Alfonso Nácher, informações a respeito da língua Fataluku e seus estudos linguísticos e também comentarei o tratamento dado ao manuscrito original, por Geoffrey Hull, assim como o conteúdo da obra. 

Até lá... 


Referências:

Nacher, Alfonso Maria, (2002/2003). Léxico Fataluco-Português (primeira parte). Estudos de Línguas e Culturas de Timor-Leste 5: 135-196.

Nacher, Alfonso Maria, (2004). Léxico Fataluco-Português (segunda parte). Estudos de Línguas e Culturas de Timor-Leste 6: 119-177.


1 comment:

IBU WINDA DI GARUT said...
This comment has been removed by a blog administrator.